© 2019 por Glaucia Kraide

  • Facebook
  • Instagram ícone social

Avaliação Psicológica

A avaliação psicológica é compreendida como um amplo processo de investigação, no qual se conhece o avaliado e sua demanda, com o intuito de programar a tomada de decisão mais apropriada do psicólogo. Mais especialmente, a avaliação psicológica refere-se à coleta e interpretação de dados, obtidos por meio de um conjunto de procedimentos confiáveis, entendidos como aqueles reconhecidos pela ciência psicológica.

Compete ao psicólogo planejar e realizar o processo avaliativo com base em aspectos técnicos e teóricos. A escolha do número de sessões para a sua realização, das questões a serem respondidas, bem como de quais instrumentos/técnicas de avaliação devem ser utilizados será baseada nos seguintes elementos:

1. contexto no qual a avaliação psicológica se insere;

2. propósitos da avaliação psicológica;

3. construtos psicológicos a serem investigados;

4. adequação das características dos instrumentos/técnicas aos indivíduos avaliados;

5. condições técnicas, metodológicas e operacionais do instrumento de avaliação.

Por fim, esclarece-se que compete ao psicólogo analisar criticamente os resultados obtidos, com o intuito de verificar se realmente forneceram elementos seguros e suficientes para a tomada de decisão nos vários contextos de atuação do psicólogo.